NÃO PERCA!

    9 dicas para desvendar os sinais e descobrir se você e seu namorado são almas gêmeas!

    By on 30 de agosto de 2017

    Almas gêmeas já nascem feitos um para o outro? Isso significa que quando você vê um casal que se ama e se dá muito bem, eles não trabalharam duro para isso? É difícil entender tudo que acontece num relacionamento, e por isso vamos tentar ajudar. Aqui vão 9 dicas para te ajudar a entender se o seu relacionamento tem futuro, e se vocês foram feitos um para o outro.

     

    1. Não idealize seu relacionamento.

    Relacionamentos reais têm problemas, alegrias, dificuldades. Não se pressione e fique em busca de um relacionamento como os de filme. Isso não vai acontecer, e vai acabar te desgastando. O importante é que você se esforce e não tenha medo de tentar coisas novas para melhorar seu namoro. Além disso, é importante que o seu parceiro também esteja disposto. É interessante que os dois estejam engajados nessa relação, para que possam abrir mão de algumas coisas, e trabalhar para o bem comum.

     

    2. As brigas têm motivo?

    Quando vocês brigam, existe um motivo efetivo? Alem disso, vocês conseguem fazer essas discussões serem produtivas? É importante que, mesmo brigando, vocês se acertem depois, e consigam conversar de forma madura sobre isso. Almas gêmeas trabalham para se darem bem, e não existe conexão de outro mundo que faça um namoro dar certo.

     

    3. Você consegue imaginar um futuro nesse relacionamento?

    Você consegue se ver mais velha na companhia do seu atual parceiro? É interessante você pensar que a duração de um relacionamento não necessariamente vai determinar se vocês são almas gêmeas, porém, esse é um bom indicador. Se vocês se dão bem, fazem planos pro futuro, vocês já deram um grande passo. O importante é que vocês continuem nesse caminho, sem deixar o namoro virar rotina.

     

    4. Vocês se respeitam?

    O respeito é mais do que necessário em qualquer relação. É essencial. Mesmo depois de muito tempo de convivência, vocês precisam se respeitar. E, se você notar que o respeito está se perdendo, não deixe de trabalhar para mudar isso. Nenhuma das dicas aqui é feita só para 50% do casal, então não se sobrecarregue tentando fazer tudo. É interessante que você converse com seu parceiro, e fale sobre as questões que vocês precisam trabalhar.

     

    5. Vocês dois se dedicam?

    Como você leu na ultima dica, não existe relacionamento quando a dedicação só vem de um lado. É de extrema importância que vocês dois estejam compromissados e dispostos a fazer dar certo. Não importa se você está muito compromissada se isso só vem de um lado. Repare se ele quer esse namoro e se ele quer um futuro tanto quanto você. Se a resposta for negativa, comece a pensar o que você pode fazer sobre isso. O primeiro passo é sentar e conversar, sendo sincera e pedindo sinceridade da parte dele. Explique que você sente que ele não se dedica tanto quanto você, e que, se ele realmente quer namorar, você precisa que ele se esforce assim como você.

     

    6. Vocês querem ser almas gêmeas?

    Vocês trabalham para isso? Estão dispostos, se dedicam para ter a felicidade um do outro? É de extrema importância que o desejo de ser almas gêmeas seja convertido em ações, e que vocês possam tomar atitudes com relação a isso. Não fique esperando que o relacionamento de vocês do dia para a noite se torne compreensivo, afetuoso, quase perfeito. È preciso sair da zona de conforto que tende a deixar tudo para depois, evitar discussões, fingir que não viu quando algo está incomodando.

     

    7. A família dos dois está de acordo?

    Quando as duas famílias estão de acordo, já é mais um indicador positivo. As famílias não têm esse poder todo, já que nem sempre vão entender as razões pelas quais vocês decidiram namorar. Porém, são pessoas que normalmente só querem o seu bem, então vale a pena ouvi-las. Se eles não gostam do seu namorado, talvez você possa fazer alguma coisa a respeito. Pergunte o porque desse sentimento da parte deles, tente chegar até a raiz do problema, para depois achar uma forma de contorná-lo. Coloque para sua família a sua autonomia de escolher com quem namora, e mostre os motivos pelos quais você fez essa escolha.

     

    8. Vocês tem objetivos compatíveis?

    Não é preciso que os objetivos sejam os mesmos, mas é preciso que, no mínimo sejam um pouco compatíveis. Se ele quer no futuro morar fora, passar a vida viajando, não ter rotina, e você sonha com uma família tradicional, com filhos, emprego fixo… Esses são os tipos de interesse que vão acabar gerando conflito se nenhum dos dois estiver disposto a abrir mão de alguma coisa. Também é importante lembrar que “abrir mão” significa, nesse caso, pensar nas opções e escolher a que vai te deixar mais feliz. Não vale a pena desistir de algum sonho só para satisfazer um parceiro.

     

    9. Você está feliz?

    Ainda que você pense que vocês são almas gêmeas, você está feliz? Independente do que os outros falam, do apoio que vocês têm dos outros, a pergunta mais importante é se vocês dois estão felizes. Refletir sobre isso deve ser algo que você faça com calma, e que não se preocupe em ter respostas imediatas. Tire um tempo para pensar sobre isso, e não se pressione. Além de você, é interessante que, de repente, o seu namorado também pense nisso. Não tenha pressa!